LOGO 3.png

Como funciona a hipnoterapia

Consulta de avaliação

Antes da primeira sessão é necessário uma entrevista para avaliação geral das queixas e do cliente. Nessa entrevista o hipnoterapeuta previamente apresenta em detalhes a terapia e como ela pode ajudar. Explica o modelo da mente e tira todas as dúvidas com relação aos processos. O próximo passo é explicar e elucidar qualquer dúvida com relação à hipnose dentro da terapia. Depois, é feita uma pequena investigação da situação relatada pelo cliente e as informações pertinentes para a compreensão do problema. Com todos esses dados, o hipnoterapeuta decide a melhor abordagem e organiza a estrutura para a terapia, incluindo a elaboração do protocolo com a estimativa de sessões e o valor total do tratamento. 

Como funciona uma sessão de hipnoerapia na mentale hipnoterapia

Com a compreensão completa do cliente, não restando nenhuma dúvida, o hipnoterapeuta oferece ao cliente a maravilhosa experiência da hipnose, para que ele entenda o processo e as bases do tratamento, para desmistificar o a hipnose.

Terminado a experiência do transe, o hipnoterapeuta apresenta a proposta detalhada com a abordagem, o tipo, tempo e o número de sessões indicados para aquela situação. Se o cliente concordar com a proposta e a abordagem apresentada, a primeira sessão pode ser agendada.

1° Sessão


Na primeira sessão, é feita uma coleta de dados mais criteriosa, que é chamada de anamnese. Com o preenchimento completo da anamnese, o hipnoterapeuta agora em posse de todos os dados relevantes, faz a indução ao transe hipnótico e segue a abordagem que foi previamente acordada. Após a finalização do processo, o hipnoterapeuta faz a emersão do cliente e finaliza a sessão. De acordo com o situação apresentada, o tratamento pode durar entre três à dez seções.

Próximas sessões


A partir da primeira sessão, antes de iniciar o transe, o cliente traz o feedback  do nível de melhora, para que o hipnoterapeuta faça os ajustes necessários.  Nessa fase o hipnoterapeuta pode auxiliar na elaboração e execução das metas e ensinando auto hipnose para o cliente utilizar as ferramentas fora da clínica. Após o feedback do cliente, é iniciado o transe e a continuação do tratamento com os ajustes necessários. Após a finalização do processo, é feito a emersão do cliente e depois a revisão do comportamento, projetos e metas estabelecidas.

Sessão final (retorno)

A última sessão além de receber o feedback do estado atual do cliente, serve para comparar as métricas e a reforçar as alterações almejadas. Na última sessão o cliente informa se há outras questões que ele gostaria de trabalhar também. Visto que na hipnoterapia só podemos auxiliar em uma demanda por vez , ou seja, o processo é sempre específico para uma demanda. 

Principais dúvidas sobre a hipnoterapia

O que é Hipnose?

Resumidamente é foco e concentração, quando isso acontece existe uma alteração na percepção das coisas. Como quando estamos focados lendo um livro e automaticamente começamos a experimentar as emoções da história.


Vou me lembrar do que aconteceu na sessão?

Sim! A pessoa não perde a consciência durante a hipnose e, portanto, é possível se lembrar do que aconteceu.

A Hipnoterapeuta pode dominar minha mente?

Não! Não existe essa possibilidade. Toda hipnose é uma auto hipnose. Ou seja,  cliente deve receber, concordar e aceitar uma sugestão. Em nenhum momento o cliente perde a consciência, pois na hipnoterapia a conversa e dinâmica e constante.

Posso ficar preso na hipnose?

Não! Hipnose é um estado natural que todo mundo vivencia todos os dias. Ninguém pode ficar preso, porque ninguém vai para lugar nenhum.

A Hipnose está ligada a alguma religião?

A hipnose é totalmente científica, portanto não tem ligação nenhuma com misticismo, crenças e religiões.

Posso ir para o tratamento  sozinho?

Sim! Não existem efeitos colaterais, e o cliente fica  sempre no controle e consciente. Dessa forma o acompanhamento é sempre opcional.

A hipnose pode me prejudicar?

Não! O pior que pode acontecer, é com um hipnoterapeuta inexperiente, é não acontecer nada. Como o cliente está sempre no controle, nem mesmo um hipnotista mal-intencionado pode prejudicar uma pessoa.

O que pode ser tratado com Hipnose Clínica?

A hipnoterapia serve para auxiliar no tratamento das pessoas e não da doenças. Desta forma, pode ajudar em quase todas os problemas de ordem emocional. 

Há garantia de resultados?

Não! Até mesmo a medicina tradicional tem certas restrições em relação à palavra cura. Questões emocionais são abstratas e cada pessoa responde de uma determinada maneira à hipnose. As terapias não pode e nem deve nunca oferecer qualquer tipo de garantia.

Quantas sessões são necessárias para meu tratamento?

Cada demanda é diferente. Mesmo para queixas iguais, as vezes é necessário utilizar quantidades de sessões diferentes. Casos mais simples podem atingir resultados com três sessões. Casos de grande complexidade pode exigir até dez sessões. Na grande maioria dos casos é possível conseguir ótimos resultados com cinco sessões

Todas as pessoas podem passar pelo tratamento?

Sim! Porém não é recomendado o tratamento de hipnoterapia em casos de transtornos mentais, cognitivos, esquizofrenia, epilepsia, psicoses e senilidade.


Existe alguma recomendação prévia para as sessões?

O cliente não pode fazer uso de bebidas alcoólicas ou qualquer tipo de drogas ilícitas antes das sessões. Tirando esses casos, de modo geral não é necessário nenhum preparo especial. Porém recomendamos o uso roupas e calçados confortáveis.

 

Quanto tempo dura uma sessão?

A avaliação dura aproximadamente uma hora e trinta minutos, as demais sessões entre duas e três horas.

  • googlePlaces

Atribuições de um hipnoterapeuta

Vale ressaltar que a hipnoterapia é um processo que exige comprometimento total do cliente. O hipnólogo é apenas um guia, que auxilia o cliente a compreender o estado. Todas as ações são realizadas pelo cliente, por isso o processo depende muito mais do engajamento do cliente. 

Mesmo com papel limitado, em conjunto com um cliente determinado e engajado o hipnoterapeuta pode transformar e resinificar vidas. A hipnoterapia pode auxiliar no tratamento de várias questões psicológicas. Na hipnoterapia, o hipnotista trabalha para evidenciar as programações atuais na mente do cliente que atrapalha ou impede que o mesmo alcance os objetivos. Com essa compreensão o sujeito consegue modificar essa programação e atingir suas metas e objetivos.

O hipnoterapeuta não é habilitado diagnosticar nenhum cliente em nenhuma circunstância. Além disso, não pode prescrever ou suspender nenhum tipo de medicamento e/ou tratamento médico.

Sempre que possível o hipnoterapeuta deve trabalhar em conjunto com o psicólogo, psiquiatra, médico, fisioterapeuta, nutricionista ou qualquer outro especialista em saúde que possa ajudar no tratamento do cliente.

Contate-nos
arrow&v